1/
photos

Promessa Cumprida

Antoninho da Rocha Marmo era um crente. Fazia promessas e sabia cumpri-las. Certa vez, chegando o padeiro, Antoninho recebeu-o como de costume. Gostava muito de conversar e ensinar aos humildes os princípios da fé. O padeiro era um de seus ouvintes cotidianos e que muito o estimava. Quando ele vinha, Antoninho subia na boléia da carrocinha e ficava ali, até que ele voltasse para depois darem um pequeno passeio pelas proximidades. Numa dessas ocasiões, ia acontecer um grave desastre.

Não se sabe como, provavelmente só saberemos quando subirmos e pudermos conversar com o nosso pequeno, mas o fato é que, o cavalo se espanta, não sabemos com o que, e sai em desabalada carreira pela ladeira abaixo. O padeiro não conseguiria de jeito nenhum alcançar a carroça, a carroça que rodava sempre com o nosso pequeno Antoninho.

De súbito, como que por encanto o animal estaca imediatamente, sob os olhares atônitos de todos que já contavam com uma inevitável desgraça.

O milagre claro que se realizava “Antoninho prometerá à Santa Cruz 22 velas para graça alcançada, mal sabiam todos que esse número devia assinalar o dia de seu sepultamento!“

Esse fato deu-se em Santana, sendo a santa cruz local a receptora dessa homenagem.

voltar